quinta-feira, maio 30, 2024
InícioPolíciaPolícia Civil descobre depósito de drogas no bairro Panorama e prende três...

Polícia Civil descobre depósito de drogas no bairro Panorama e prende três pessoas

A Polícia Civil, por intermédio da DENAR (Delegacia Especializada na Repressão ao Narcotráfico) descobriu, nesta segunda-feira, 05/02, um depósito de drogas no bairro Panorama, em Campo Grande-MS. Três pessoas foram presas em flagrante por tráfico.

Com base nas informações repassadas à DENAR, na Rua Prudentópolis, 441, Panorama, A.R.R. (29 anos) estaria comercializando droga. Para confirmar a denúncia, os policias realizaram o monitoramento no local e, em dado momento, visualizaram um veículo HB20 e realizaram a abordagem. 

O carro estava sendo conduzido por D.W.V.L. (28 anos), tendo como passageiro M.S.O. (27 anos). No interior do veículo foram localizados fardos contendo vários tabletes de maconha e quando questionados os autores confirmaram que pegaram a droga na casa monitorada e que haveria mais droga no local.

Diante da confirmação do tráfico de drogas, foi feita incursão no imóvel e A.R.R. foi abordado. Vários outros fardos com tabletes de maconha foram localizados espalhados pela casa, além de materiais utilizados para preparar e embalar a droga.

Foram apreendidos: três fardos contendo vários tabletes de maconha (18kg) que estavam no interior do veículo, e o veículo HB20. No interior da casa, foram 14 fardos contendo vários tabletes de maconha (155kg) e o veículo FIAT/UNO.

Em razão dos fatos, foi lavrado o respectivo Auto de Prisão em Flagrante (APF) pela prática do crime de tráfico de drogas. Os autores permanecem custodiados à disposição da Justiça.

A prisão aconteceu durante mais uma investigação oriunda da operação “Ômega”, realizada em caráter permanente pela DENAR. Denúncias para a Especializada podem ser feitas pelos números: (67) 99995-6105 (WhatsApp) ou (67) 3345-0000.

 

Fonte: Policia Civil MS

VEJA TAMBÉM

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Matérias

Comentários