domingo, junho 23, 2024
InícioCapitalGeneral de MS suspeito de participar no planejamento de suposta tentativa de...

General de MS suspeito de participar no planejamento de suposta tentativa de golpe depõe na PF

O general aposentado Laércio Virgílio compareceu à sede da Polícia Federal (PF), em Campo Grande, nesta quinta-feira (22), para depor sobre a investigação que apura suposta tentativa de golpe de Estado.

Laércio Virgílio é suspeito de ter participação no planejamento intelectual para uma suposta prisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes.

O aposentado chegou no local para depoimento por volta das 14h30 (horário local). Acompanhado do filho e da ex-esposa, Laércio Virgílio falou com a imprensa antes de entrar na sede da PF, em Campo Grande.

“Eu nunca presenciei nada. Nunca vi nenhum dos outros citados. Estou aqui para esclarecer a minha verdade, que será comparada com as outras. A Polícia Federal vai chegar a uma conclusão que achar melhor, diante dos fatos. Nunca teve planejamento para nada”, declarou o general aposentado.

Ainda antes de entrar para o depoimento, o general aposentado disse que mora em Campo Grande há quatro anos e sofre de sequelas de cirurgias realizadas em 2020. “Estou em convalescência. Nunca falei com ninguém. Vamos apurar os fatos. Tenho problema de saúde, foram 3 cirurgias graves em 2020. Vamos aguardar que a Justiça seja feita”.

Além do general aposentado, outros investigados compareceram à PF para prestar depoimento. Entre eles, o ex-presidente Jair Bolsonaro.

Os depoimentos fazem parte da operação Tempus Veritatis, deflagrada pela PF há duas semanas. De acordo com as investigações, Bolsonaro e aliados se organizaram para tentar um golpe de Estado e mantê-lo no poder, impedindo a posse do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Parte da investigação envolve a realização de uma reunião ministerial em 5 de julho de 2022. Nela, Bolsonaro diz a ministros que eles não poderiam esperar o resultado da eleição para agir. Os advogados do presidente afirmam, no entanto, que ex-presidente nunca pensou em golpe.

Fonte: G1/MS

Fonte

VEJA TAMBÉM

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Matérias

Comentários