sexta-feira, maio 17, 2024
InícioDestaqueContrato de gestão estabelece metas do ano e leva resultados efetivos ao...

Contrato de gestão estabelece metas do ano e leva resultados efetivos ao cidadão

Gestão pública com foco para levar resultados efetivos à população. Esse é o lema do programa “Contrato de Gestão”, em que cada secretário ou gestor de autarquia define metas e projetos da pasta para o ano. Um documento com os compromissos é assinado com o governador e todas ações são acompanhadas ao longo do ano.

O objetivo é que cada pasta traga novos projetos que possam melhorar os serviços públicos e assim oferecer entregas de mais qualidade ao cidadão, em ações que transformem a sociedade e mudem a realidade do sul-mato-grossense.

Desenvolvido desde 2015 no Estado, o programa é sinônimo de sucesso e reconhecimento nacional, tanto que no ano passado venceu o Prêmio de Excelência de Competitividade 2023, promovido pelo CLP (Centro de Liderança Pública), na categoria “Destaque Boas Práticas”.

Governador durante discurso aos servidores sobre contrato de gestão no ano passado (Foto: Saul Schramm)

O trabalho de planejamento estratégico de todas as secretarias e autarquias estaduais é acompanhado de perto em diversas reuniões ao longo do ano, para saber que projetos estão tendo resultados e quais precisam de ajustes ou novo rumo. No final do ano são avaliadas que metas foram concluídas com sucesso.

Contrato de gestão venceu prêmio nacional em 2023 (Foto: Divulgação)

“O contrato de gestão é um processo de transformação de cultura, não é mais uma burocracia e sim um instrumento para mudar a vida das pessoas. Um documento sério, que dirá o que o nosso governo se propõe a fazer em cada pasta. Nosso foco são as entregas ao cidadão”, destacou o governador Eduardo Riedel.

Em 2023, primeiro ano da gestão Riedel, as secretárias cumpriram 92% dos projetos propostos no contrato de gestão. O resultado foi considerado extremamente positivo, mostrando que as pastas se empenharam em trazer novidades e entregas mais qualificadas à população.

“O envolvimento direto dos secretários no contrato de gestão fez a diferença nos resultados. A equipe se espelha no gestor, quando ele acompanha e lidera todo processo e traz resultados efetivos. Tenho que agradecer a todos pelo empenho. Nós trabalhamos em cima do que a população escolheu. Meu plano de governo está em cima da mesa e mostra nosso caminho, sempre ouvindo as demandas das pessoas”, afirmou o governador.

Monitoramento

No começo, o contrato de gestão era assinado apenas pelos secretários estaduais. No entanto, no ano passado, houve mudanças, para torná-lo cada vez mais efetivo. Desenvolvido pela Segov (Secretaria Estadual de Governo e Gestão Estratégica), o programa apresentou novidades, como a pactuação de metas também com as fundações e autarquias. Ao longo do ano foram feitas reuniões, avaliações e monitoramento das ações e projetos de cada pasta, para melhorar o andamento dos trabalhos.

Depois das assinaturas dos contratos, os gerentes de cada projeto planejam as ações, estabelecem as datas, valores e andamento das propostas. O monitoramento é desempenhado pela Segov, com reuniões mensais.

Reunião secretarial para avaliar metas cumpridas no ano (Foto: Saul Schramm)

“O foco é total no cidadão, para que o Governo do Estado tenha mais qualidade nas entregas feitas à população e estes compromissos firmados por cada secretaria ou fundação gerem projetos consistentes. Trazer para agenda do governador aquilo que realmente vai servir à sociedade”, afirmou o secretário-executivo de Gestão Estratégica e Municipalismo, Thaner Castro Nogueira.

O governador destaca que a linha central do contrato de gestão é o plano de governo que foi aprovado pela população e que os compromissos firmados devem ser cumpridos. O programa é uma das prioridades no planejamento do Estado para 2024.

Leonardo Rocha, Comunicação do Governo de MS
Foto da capa: Álvaro Rezende/Arquivo

Fonte: Agencia de Notícias – MS

VEJA TAMBÉM

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Matérias

Comentários